5 dicas práticas para ajudar sua gestão de TI

gestão de ti
 Tempo de leitura: 6 minutos

Pensar em tecnologia da informação atualmente é um pouco mais complexo, pois a TI não mais se resume a um funcionário que cuida do seu computador se ele der algum problema ou que ajusta seu e-mail. Portanto, é fundamental pensar na sua gestão de TI nos dias de hoje.

A tecnologia expandiu sua área de atuação e, atualmente, é indispensável quando falamos de setores empresariais onde temos controle contábil, avanço de produtividade, melhorias na qualidade, controle geral da economia da empresa, etc.

Por estar vinculada a todos os setores de uma empresa, a TI acabou se tornando uma área com enfoque na gestão, o que exige grande responsabilidade dos gestores de TI, que são os profissionais responsáveis por essa área.

Portanto, fazer uma boa gestão de TI, hoje, é mais do que fundamental para o sucesso da empresa.

Pensando na importância do tema, e a relevância que se ganhou nos últimos anos, elaboramos um texto mais explicativo com 5 dicas para realizar uma gestão de TI cada vez melhor.

Afim de maximizar seu faturamento reduzindo custos, otimizando o tempo do seu funcionário e gerando muita eficiência.

Ficou curioso para saber quais são essas 5 dicas matadoras? Então continue lendo com muita atenção o restante do artigo.

Bom, mas antes vamos entender sobre a gestão de TI e ter uma ideia de como funciona na prática.

gestão de ti

 

O que é a Gestão de TI e como ela funciona?

Não é segredo para ninguém que TI é a abreviação para Tecnologia da Informação, certo?

Dessa forma a gestão de TI, é o gerenciamento de todas as atividades e soluções geradas por computadores com o objetivo de acessar e armazenar informações que são relevantes no dia a dia da empresa.

Esse gerenciamento permite o alinhamento da área de tecnologia da informação da empresa com as estratégias do negócio.

Não entendeu? Bom, vamos lá!

Lembra que falamos acima que a TI está associada à diversas áreas da empresa?

Bom, imagine o setor financeiro/contábil de uma empresa que ao longo do mês, ou até mesmo do dia, emite diversos documentos importantes e que precisam ser armazenados.

Dá um trabalho transformar tudo isso em papelada e colocar em gavetas e mais gavetas, não é mesmo?

É aí que uma boa gestão de TI entra. Existem diversos softwares que facilitam a vida de quem trabalha no setor financeiro.

O gestor de TI tem que ficar atento para que haja uma implementação de um software. É necessário que facilite a emissão desses documentos, o armazenamento e também o acesso a eles.

Tudo isso gera mais agilidade e mais segurança para o setor financeiro da empresa.

Não podemos esquecer que, além da implementação, é necessário fazer um gerenciamento em cima de tudo isso, para verificar se o funcionário está tendo dificuldade para manusear o software, se é necessária uma atualização do sistema, ou até mesmo verificar se ainda vale a pena continuar com esse programa ou se já existe outro no mercado que é mais vantajoso para o seu negócio.

Agora ficou mais fácil de entender o que é a gestão de TI? Legal 😊 estamos caminhando bem!

gestão de ti

Bom, mas agora você já deve estar pensando:

“Eu já entendi o que é gestão de TI e como ela funciona. Mas eu preciso saber das suas dicas para implementar (ou melhorar, caso já tenha uma estruturada) a minha gestão de TI. ”

Vamos lá…

O que você vai ler agora são dicas práticas para realizar de forma mais correta e eficiente uma boa gestão de TI.

Mas antes é necessário que você conheça e entenda as necessidades da sua empresa.

Pegue sua caneta e um caderno de anotações para não esquecer de nenhum ponto importante, ok?

1) Adote métricas de desempenho

As métricas de desempenho dão ao administrador uma visão ampla sobre todo o funcionamento da infraestrutura do negócio e os processos da área.

Por meio delas, falhas são encontradas rapidamente e medidas corretivas passam a ter um impacto elevado.

Também chamados de KPIs, os indicadores de desempenho podem ser aplicados tanto para avaliar o trabalho de cada time quanto para identificar problemas de performance em equipamentos.

Diante disso, é importante que o gestor consiga criar métricas que sejam feitas de acordo com o perfil de cada área.

Por exemplo, uma métrica muito elevada pode prejudicar a performance do setor, uma vez que a carga de estresse proporcionada por profissionais trabalhando está muito além da capacidade de atingir resultados positivos.

Por outro lado, indicadores muito baixos não conseguem auxiliar o gestor a identificar problemas, criando uma visão pouco realista sobre o negócio.

2) Tenha uma boa definição do escopo dos serviços do setor

Para impedir a sobrecarga do setor responsável pela infraestrutura de TI, o gestor deve definir de forma precisa o escopo de trabalho de cada time.

Após levantar as necessidades do negócio e identificar o perfil do seu corpo técnico, ele poderá criar processos adequados para a realidade da empresa, que consigam manter serviços com bom funcionamento mesmo em momentos de alta demanda.

Dessa forma, o direcionamento de tarefas será feito com maior qualidade. Todos os profissionais saberão quais atividades devem executar com antecedência, podendo planejar uma rotina de trabalho de maior agilidade e performance.

3) Não tenha medo de errar

Temos no Brasil a cultura de que todo erro é inaceitável, o que não deve ser verdade. O erro faz parte de todo negócio e você deve contar com sua existência em todos os segmentos de uma empresa. Antecipe-se e planeje-os para não ser surpreendido.

Existe uma máxima no mundo dos negócios: Erre, mas erre rápido e erre barato!

gestão de ti

4) Treine os seus profissionais para otimizar a gestão de TI

A tecnologia muda constantemente. Portanto, treine os profissionais para que estejam sempre aptos a trabalhar com tendências e padrões mais modernos do mercado.

Esses treinamentos são, ao lado de feedbacks, medidas que contribuem para a melhoria dos serviços de TI.

Essas práticas eliminam falhas nos processos de trabalho e alinham conhecimentos entre todos os profissionais, evitando conflitos e gargalos operacionais.

A área de TI tem uma característica de auto-aprendizagem. Estão acostumados a pesquisar soluções nos buscadores com maestria, treinamentos em vídeo e EAD são os mais comuns.

Contudo, isso gera, na própria equipe, que a boa TI é aquela que aprende sempre sozinha.

Esse comportamento precisa ser o tempo todo monitorado, existem especializações que um bom treinamento se paga logo nas primeiras semanas.

Por exemplo, muitos da TI dizem que sabem administrar um servidor.  Quando precisam de algo, pesquisam, mas saber todos os detalhes e melhores práticas, muitas vezes, apenas com treinamentos especializados. Isso traz grandes benefícios para a empresa.

5) Fique atento às inovações disponíveis na área de gestão de TI

IoT, cloud, storage, cloud computing…. Para inovar, você deve estar sempre em dia com a tecnologia de ponta disponível no mercado.

Conheça outras realidades e não hesite em testar novas ideias. Aposte em softwares de gestão de processos e documentos, como o Organizer, o Trello, Evernote, entre outros.

Acompanhar fontes confiáveis sobre essas inovações, dentro e fora do Brasil também ajuda bastante. Portais, podcasts, Youtube, entre outros meios, são bastante utilizados.

Assim, você poderá promover largos saltos evolutivos em um curto espaço de tempo, melhorando processos, aproveitando melhor seus funcionários e alcançando o objetivo principal de todo negócio: fazer com que seja cada vez mais rentável.

gestão de ti

Conclusão

Essas foram as dicas que não só podem, mas que irão ajudar sua gestão de TI.

Pudemos notar nesse artigo que a tecnologia como um todo já é vista com outros olhos no mundo empresarial.

E a tecnologia da informação cada vez mais está associada aos mais diversos setores de uma empresa.

Por isso, é muito importante entender o que é e como é feito um bom gerenciamento da TI de qualquer organização.

Dessa forma, é possível compreender o porquê de se ter um gestor de tecnologia da informação capacitado na sua empresa.

Vamos ratificar as 5 dicas que te ajudarão a ter um melhor desempenho na sua gestão de TI?

  • Adotar métricas de acompanhamento para que o seu gestor identifique o que está dando errado, o que pode ser melhorado e o que está dando os resultados esperados.
  • Tenha um escopo dos seus serviços para evitar sobrecarga e adequar de forma correta os processos. Assim, você os serviços num bom funcionamento constantemente.
  • Simplesmente, não tenha medo de errar, isso faz parte.
  • Elabore e aplique treinamentos para os seus funcionários, afim de sempre melhorar os processos da empresa.
  • Se mantenha informado ou faça com que o seu gestor de TI fique sempre alerta aos novos produtos e serviços que o mercado oferece.

Com isso, chegamos ao fim de mais um artigo, espero que tenham gostado. Caso tenha ficado alguma dúvida entre em contato conosco.

A Bug Busters conta com profissionais especializados nos mais diversos campos da TI. Todos sempre dispostos a sanar TODAS as suas dúvidas.

Responda nossa breve pesquisa e acompanhe-nos em nossas redes sociais.

E-mail: zuilla.fonseca@bugbusters.com.br
Telefone: +55 (11) 5572.0044
Horário de Atendimento: 8h30 às 18h00
Horário de Atendimento | Servidores e Storages: 24x7x365

Siga-nos